domingo, junho 15, 2008

Um país que se acomoda!

Caros promiscuos,

hoje venho aqui fazer um post de intuito genérico do nosso país. Para já venho por este meio estar desiludido em geral com o nosso país, sobretudo com o governo nos últimos meses tem sido um descalabro - é greve de professores, camionistas e agricultores. Para não falar da palhaçada que foi hoje o jogo, será este o meu principal foco que irá representar por assim dizer uma metáfora ao nosso país.

Vejamos que isto foi uma derrota de tripla culpa. Em primeiro um árbitro que vem de meios políticos (para mim o chamado lobbie), rigoroso na marcação de faltas, mas deixa passar impune um penalti a nosso favor e um golo mal anulado. Em segundo o senhor Scolari, acho muito bem que se mexa na equipa mas que se tenha visão táctica e leitura de jogo nisto o Scolari é medíocre - como é que se tira o Miguel Veloso que apesar de não ter jogado grande coisa tinha o Meireles que parecia um fantasma, e ainda se deixar o Quaresma e o Nani a jogar com os seus individualismos (ai está a terceira culpa). Podiamos perfeitamente ter o João Moutinho a jogar no início da 2ª Parte e meter logo o Simão Sabrosa, e explico porquê ele e não o Ronaldo, isto porque o Ronaldo padece de qualidade extrema e iria ter logo 3 adversários a marcar ficando assim praticamente anulada a sua possibilidade de performance, o Sabrosa é um jogadar rápido, bom drible e técnica, e visão de jogo poderia fazer a diferença nas alas. Acho que isto demonstra toda a realidade de selecção e do nosso pais, adormecemos quando tudo parece estar bem, e menosprezamos os inferiores. Exemplo fantástico é a Turquia que se superiorizou e sempre acreditou, um grande aplauso para esta selecção.

Mas das experiências nem tudo é mau, serviu para aprendermos. E se a história rezar como em 2004, o vencedor apenas foi derrotado por uma equipa que não se qualificou para os quartos-de-final, a ver vamos se lá conseguimos manter a estatística e a história.

Até à próxima

1 comentário:

mariana vieira disse...

antes de mais gostei do post .. :P

Primeiro, quanto à situação do país, o povo português é aquele povo comodista por si mesmo, qd chega ao fundo do poço revolta-se e quando consegue o minimo contenta-se e deixa andar até chegar novamente ao fundo.

Segundo, quanto à selecção, foi uma vergonha .. desde à arbitragem até aos jogadores que nos deixaram bem claro o porquê de serem suplentes..